Carta dirigida pelo Senhor SEE, Dr. João Costa às escolas e aos pais/EE

Exmo(a). Sr(a). Encarregado(a) de Educação

O Ministério da Educação desafiou algumas escolas a integrar um projeto de desmaterialização dos manuais escolares.
Agradecemos a disponibilidade das escolas para participar neste projeto, bem como dos encarregados de educação convictos de que que daremos um contributo fundamental para podermos perspetivar um avanço significativo do nosso sistema educativo.
O programa de desmaterialização dos manuais escolares está integrado na agenda da transição digital na educação, permitindo atingir vários objetivos:
• Desenvolver as competências digitais dos alunos;
• Desenvolver literacias múltiplas, através da capacidade de comunicação em diferentes
modalidades, do desenvolvimento de pensamento computacional e do sentido crítico.
• Promover a exploração de recursos educativos múltiplos, que permitem explorar
diferentes interesses e adequar os recursos a necessidades específicas.
• Responder a questões de âmbito geral, como a resposta efetiva à sustentabilidade ambiental e aos problemas de excesso de peso nas mochilas.
Para alcançar estes objetivos é importante estarmos todos informados de que este projeto implica:
a) Que os alunos tenham já acesso a computadores ou tablets, sendo que o Ministério da Educação trabalhará com as escolas para que os os alunos destas turmas tenham prioridade na alocação dos equipamentos necessários.
b) Que se prevê que estes alunos tenham acesso a uma maior diversidade de recursos digitais adequados às diferentes disciplinas e um acompanhamento próximo dos seus professores.
c) Que estes alunos não irão ter vouchers para aquisição de manuais físicos (em papel), uma vez que receberão o acesso livre aos recursos digitais.
Conforme explicitado na reunião inicial já realizada com as escolas, este projeto piloto é acompanhado de formação específica dos professores e de um dispositivo de monitorização e avaliação a implementar ao longo do ano.
A equipa do Ministério da Educação está disponível para qualquer apoio adicional nesta fase de sensibilização e envolvimento das escolas, das famílias e dos alunos.
O Secretário de Estado Adjunto e da Educação