Agrupamento de Escolas Fernando Casimiro Pereira da Silva

"Sozinhos vamos mais rápido mas juntos vamos mais longe…"

Gabinete de Apoio ao Aluno

O que é o GAA?

O Gabinete de Apoio ao Aluno (GAA) é um serviço que se destina a apoiar alunos, famílias e restante comunidade escolar. Visa contribuir para o crescimento harmonioso e global dos jovens, promovendo um ambiente mais humanizado e facilitador da integração escolar e social. Este gabinete destina-se a todos os alunos do agrupamento, às suas famílias e restante comunidade escolar.

Composição e Coordenação

O GAA é composto por: psicólogo escolar, docente interlocutor da CPCJ, todos os docentes a quem for distribuído serviço na área e é coordenado por um professor nomeado pelo Diretor.

O atual coordenador do GAA é a professora Rita Santos.

GAA.jpg

Competências

Ao GAA compete:

  1. Apoiar alunos e famílias nas suas problemáticas;
  2. Promover: a integração dos alunos na Escola; o desenvolvimento de competências pessoais e sociais do aluno; o envolvimento dos pais e encarregados de educação no percurso de vida do jovem; a inter-relação entre os diferentes intervenientes família/escola/comunidade como agentes participantes no processo de desenvolvimento socioeducativo;
  3. Prevenir/diminuir situações de risco, violência, absentismo e de abandono escolar reforçando os fatores sociais de proteção;
  4. Contribuir para: o sucesso escolar e pessoal dos alunos; a reflexão e concretização do projeto devida do jovem tendo em consideração as suas necessidades e potencialidades;
  5. Criar e dinamizar uma Rede de Apoio Social;
  6. Participar e colaborar com a Rede de Apoio Social local;
  7. Prevenir as situações de indisciplina e contribuir para a redução dos casos de indisciplina em sala de aula.

Funcionamento

  1. O GAA funciona em horário a designar pelo Diretor mediante a gestão de recursos, num espaço próprio que se localiza no gabinete 1 da escola sede.
  2. O GAA funciona do seguinte modo:
  3. Aborda e acompanha o jovem e a família, em contexto informal e formal, estabelecendo uma relação de confiança e empatia com a mesma;
  4. Articula direta e permanentemente com professores/Diretores de Turma e elementos da comunidade educativa;
  5. Planeia medidas de intervenção;
  6. Realiza avaliação e intervenção psicopedagógica;
  7. Trabalha em parceria com entidades e organismos externos de apoio;
  8. Acompanham alunos a quem foi dada ordem de saída da sala de aula por motivos disciplinares, articulando o trabalho a desenvolver com o Diretor de Turma/Professor Titular e com o encarregado de educação;
  9. Segue alunos que manifestam atitudes de indisciplina e define planos de trabalho com alunos com o referido perfil.
Create your website at WordPress.com
Get started
%d bloggers like this: